sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Jesus está te olhando....

Foram nove meses na presença do Senhor. Tinha acabado de descobrir outro lado de Deus, a sua graça e misericordia. O seu tão grande amor e as suas maravilhas eu já tinha descoberto, eLE mesmo tinha me mostrado, no entado eu ainda precisava de um encontro maior com a graça dele.

Esse encontro me fez ter mais amor e misericórdia pelas pessoas. Comecei a ver os homens como simplismente mortais, feitos de carne e osso, tirados do pó.

Os meus primeiros passos na fé foram totalmente cheios de amor e de alegria no espirito. Foram marcados por experiência com Deus que jamais esquecerei. Eu recebi o reino como uma criança sedenta pela presença de um Pai que me amava.

Maravilhosos eram aqueles dias. Lembro-me de que todas as tardes, eu tinha um encontro marcado com o Espirito Santo na igreja, onde nos encontrávamos e desfrutavámos de uma bela comunhão. A igreja era aberta, e o pastor presidente sempre me deixava orar na parte da tarde em sua igreja. Deus abençoe ele.

Ele estava comigo no trabalho, em casa, na igreja, era o meu melhor amigo. Lebro-me de dirigir e saber que sua presença estava comigo no carro. Quantas vezes eu não conseguia sair do carro, porque eu chorava tanto, de tão imenso amor que Ele tinha para me dar.

Estive por várias vezes perante a sua face como Moises, e por algumas vezes ouvi o Senhor falar comigo audivelmente. Não sei o porque de-le ter me escolhido, hoje sei que não sou melhor do que ninguém.

Custou caro para que eu aprendesse que não era melhor do que ninguém. Que não era santa e nem imaculada como antes eu achava. Um minuto na carne, era tudo o que precisava. (Um dia eu conto essa história).

Voltando ao início, eu estava grávida. O cuidado do Senhor foi tanto que no momento que eu fiz o teste de grávidez, ele estava comigo dentro do banheiro de um shopping center. Quando olhei e vi o risquinho de positivo, meu olhos que estavam se enxendo de lagrima, que se tornaram em risos e sobre mim desceu algo, que eu não sei explicar, eu chamo de espirito materno.

Começou a contagem, seriam longos e dificeis meses pela frente. O Senhor cuidou de mim como ninguém. Não lembro-me de ter passado um dia sem que sua prsença manifesta estivesse comigo. Ele estava me ensinando umas preciosas lições que anos de igreja não me ensinariam.

"Ele jamais nos abandona, mesmo quando todos nos julgam e nos viram as costas."

Os meses se passaram, a barriga estava crescendo, com ela a minha confiança de que Deus me amava e sua mãos era forte me segurando para que eu não caísse.

Chegou o nono mês, o baby estava para nascer, comecei a sentir dores fortissímas na coluna. Corremos para o hospital. Uma vizinha muito querida me levou. A dor não passava, tive que tomar até morfina. Fui internada e 2 dias depois o bolsa de agua estourou. Tinha chego a hora. Começaram os preparativos e eu não tinha dilatação nenhuma. A médica começou a ficar preocupada, porque afinal de contas, a minha dor era muito forte, eu tinha tomado muita morfina e não tinha lilatação.

Lembro-me de que alguns amigos estavam lá, orando e esperando a vinda do tão precioso baby, que tinha mudado minha história de vida.

Não tem dilatação, o coração do baby está batendo fraco, corre, vamos fazer cessária de emergência. Eu já estava toda "crog" mesmo. Só me lembro de entrar na sala e a irmã irmã Francini entrou comigo. Foi tudo muito rápido e logo o baby estava perto de mim.

Lembro-me de alguém colocar o baby pertinho para mim poder ve-lo, mais no meu intimo, eu so perguntava, cade Jesus, onde ele está? Foi quando algo lindo aconteceu.-  Bem baixinho, pertinho de mim, eu ouvi a minha irmã cantando, Jesus está olhando para você agora..... (http://www.youtube.com/watch?v=Hu8DRcHcwwE)

Nem sei se ela se lembra desta história, mais isso marcou minha vida. Eu queria era o meu Jesus pertinho de mim, pois eu sabia que se ele estivesse lá, tudo iria sair bem.

E assim tem sido minha caminhada com Jesus até o dia de hoje, se Ele estiver comigo, tudo vai bem...

Queridos, esse é um dos meus testemunhos, de como Deus me segurou com sua forte mão e me sustentou durante uma fase muito dificil, de aprendizagem e crescimento espiritual. Aprendendo mais com Deus e de Deus.

Pra. Thaís Itaborahy

...Mamãe e Daniel...
Hoje ele tem 5 anos. Foi um dos melhores presentes que Deus já me deu. Obrigada Senhor, pelo teu grande amor.
Postar um comentário

Pages

Followers